Logo netsupport

Home office: como garantir o suporte técnico dos dispositivos

Apesar das várias vantagens que o home office proporcionou para as empresas e seus colaboradores, existem as dificuldades e uma delas é garantir o suporte técnico dos dispositivos.

A Lei nº 13.467 de 13 de julho de 2017 alterou a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) para estabelecer as normas acerca dessa nova forma de trabalho, também conhecida como “teletrabalho”.

Ficou regulamentado que a empresa é a responsável por fornecer o que é necessário para a prestação do trabalho remoto, como computador, mouse e outros itens mas a lei não obriga o empregador a arcar com despesas de manutenção dos equipamentos, entretanto,  as empresas acabam assumindo essa responsabilidade para garantir o patrimônio e oferecer suporte técnico de qualidade para funcionários em home office ou alocados em outras localidades.

Continue lendo este artigo, pois vamos te explicar como otimizar a sua TI. Boa leitura!

Panorama do trabalho remoto e home office no Brasil

Antes da pandemia da Covid-19 impor a quarentena em todo o mundo, alguns profissionais já trabalhavam no modelo home office ou atuavam de forma híbrida.

Porém, com a necessidade de manter todos em segurança e evitar a contaminação, essa modalidade de trabalho virou realidade de muitas empresas e seus colaboradores.

No cenário pós pandemia que estamos vivendo, 47% das pequenas e médias empresas adotaram o sistema híbrido, que combina o presencial e o home office, segundo o Canal Tech.

Dos trabalhadores que já atuam no modelo híbrido no Brasil, 58% deles buscam um trabalho totalmente remoto em 2022.

Para as empresas, a adoção do trabalho híbrido tem diversos desafios e um deles é a dificuldade na gestão de TI.

Muitos gestores de T.I apontam o suporte técnico em múltiplas localidades como principal desafio, além dos cuidados redobrados com a segurança cibernética e adequação à LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

Em empresas maiores e com departamento de TI mais estruturado, administrar o inventário de TI fora da empresa contratando uma empresa que olhe para essas necessidade pode garantir a capilaridade, agilidade e segurança na abertura de chamados, sejam eles remotos ou presenciais.

Quer saber como funciona o suporte técnico no home office? Continue aqui nessa página conosco.

Como oferecer suporte técnico no home office

Como mencionamos acima, a empresa não é obrigada a fornecer manutenção de equipamentos, mas centralizar essa atividade em seus fornecedores e a forma como será oferecido o suporte aos dispositivos pode ser estratégico para os negócios.

Primeiro pela agilidade no atendimento e na correção de incidentes. Depois, pela garantia de se ter equipes de confiança realizando a manutenção dos equipamentos.

Existem duas formas de garantir o suporte técnico de dispositivos e equipamentos para os seus colaboradores em home office: com atendimentos remoto e presencial em modelos de contratação de chamados avulsos ou planos mensais.

Para garantir que a manutenção das máquinas da empresa esteja sempre em dia, o ideal é contratar serviços de TI que atendam as localidades e atividades que precisam ser realizadas, tais como a correção, manutenção ou prevenção de incidentes.

Suporte técnico presencial

No suporte técnico presencial, o prestador de serviços vai ao home office dos funcionários para realizar o serviço ou, se sua empresa tem um setor de TI que gerencia o inventário de TI da empresa, é possível concentrar o atendimento em uma localidade específica.

Custos do reembolso e de deslocamento de equipe para atendimento são negociados diretamente no contrato firmado com a empresa e, ainda assim, podem representar uma economia de custos de TI de até 40% quando comparados a contratações individuais de terceiros.

Suporte técnico remoto

A solução do suporte técnico remoto garante o atendimento mais rápido para o colaborador que precisa de uma correção de incidentes. Geralmente, 90% dos problemas de TI são resolvidos por chamados via chat, telefone e e-mail.

A manutenção remota de dispositivos soluciona medidas protetivas para equipamentos e previne o correto funcionamento e instalação de softwares, além de poder corrigir erros e ataques cibernéticos com muita agilidade.

Funciona assim: seu colaborador é conectado com um especialista que vai auxiliar a instalar programas e softwares para que quem for prestar o suporte técnico tenha acesso remoto.

Esse atendimento também pode ser feito a partir de serviços em nuvem, com um processo semelhante ao explicado acima.

Talvez você esteja se perguntando se esse processo é seguro. É uma dúvida super válida, por isso, falaremos sobre a cibersegurança desse processo a seguir.

Suporte técnico remoto é seguro?

Sim, o suporte técnico remoto é completamente seguro e não coloca em risco os dados e informações da sua empresa.

A confiabilidade é garantida por conta dos rígidos protocolos de segurança e também por estar em conformidade com a LGPD.

Ao contratar uma empresa especializada em suporte técnico, a sua empresa obtém diversas vantagens:

  • Maior economia;
  • Mais rapidez e agilidade no diagnóstico;
  • Capilaridade. Seus colaboradores são atendidos em qualquer região;
  • Resultados a curto prazo;
  • Suporte técnico de TI em tempo integral.

Fale com os especialistas em suporte técnico remoto e presencial da netsupport

Viu como é fácil e seguro garantir que seus colaboradores, mesmo em home office, tenham acesso a suporte técnico quando precisarem?

Com a netsupport, você tem suporte técnico no país inteiro e, independentemente de onde estiver seu colaborador estiver alocado, sua empresa pode economizar até 40% do investimento em TI! Conte-nos como podemos te ajudar, clicando aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POSTS RECENTES
CATEGORIAS