O que é ITIL e qual a vantagem da ITIL para sua empresa – Aprenda a Implementar

O que é ITIL e qual a vantagem da ITIL para sua empresa – Aprenda a Implementar

Aqui em nosso blog já discutimos a importância de escolher uma metodologia de gestão para sua área de TI. Hoje queremos, justamente, nos aprofundar um pouco mais naquela que é uma das mais usadas pelo mercado de tecnologia: A ITIL.

Escolher uma metodologia de trabalho ajudará a garantir a agilidade e a qualidade nas entregas do setor de TI. Esse é um passo essencial para as empresas que desejam aumentar sua capacidade de execução.

Com a ITIL você será capaz de enxergar cada etapa da vida útil de um serviço, garantindo que o negócio esteja alinhado com as melhores práticas do mercado.

Mesmo que você seja uma PME, é possível instituir processos com nível de qualidade de grandes empresas. Investir na ITIL é uma maneira de profissionalizar as atividades da sua área de TI.

Caso opte por utilizar serviços terceirizados, lembre-se também de buscar parceiros que estejam alinhados com esse modelo de trabalho. Aprenda mais sobre a ITIL neste artigo especial!

Banner terceirzação

O que é ITIL?

ITIL é a sigla para o termo Information Technology Infrastructure Library – que traduzido para português seria Biblioteca de Infraestrutura de Tecnologia da Informação.

A ITIL reúne um conjunto de melhores práticas para orientar o gerenciamento das atividades de TI.

A metodologia se baseia no ciclo de vida dos serviços, que possui 5 etapas diferentes, de acordo com a sua biblioteca.

O objetivo da ITIL é auxiliar as organizações a atingirem os seus objetivos estratégicos na área de TI, através do uso correto de seus recursos.

Formada em 1980 pela CCTA (Central Communications and Telecom Agency), a ITIL surgiu como uma forma de auxiliar o governo britânico a comparar as propostas de prestadores de serviço de TI.

Desta maneira, seria possível garantir uma padronização mínima de atendimento em termos de processos, terminologia, desempenho, qualidade e custos.

A biblioteca ITIL está em sua terceira versão, conhecida como ITIL V3, que foi lançada em 2007 e atualizada em 2011. Atualmente, é a principal referência para o gerenciamento de serviços de TI em todo mundo.

O ciclo de vida do serviço segundo o ITIL

A ITIL sugere que o gerenciamento das atividades de TI seja organizado a partir do ciclo de vida dos serviços. Nesse modelo, a estratégia de serviço é o ponto central desse ciclo de cinco etapas, sendo elas:

Estratégia de serviço, projeto de serviço, transição de serviço, operação de serviço e melhoria contínua de serviço.

Representação das etapas dos serviços de TI segundo a ITIL

Representação das etapas dos serviços de TI segundo a ITIL.

Em todas as etapas serão trabalhadas atividades que garantam a entrega do serviço de forma ágil, eficiente e com qualidade. De acordo com a ITIL, cada parte do processo depende da correta execução uma da outra.

Desta maneira, é possível ter um controle maior de cada ação, promovendo melhorias em todo processo regularmente.

A metodologia de trabalho da ITIL mantém todo o ciclo conectado o tempo inteiro, fazendo com que as novas entradas e atualizações conversem sempre entre si.

Trabalhando com o ITIL é possível garantir que os serviços sejam adaptados, caso as demandas do negócio mudem.

Leia também: Como reduzir os custos de TI com profissionais sob demanda?

O papel de cada etapa do ciclo de vida

Cada etapa do ciclo de vida do serviço possui um papel crucial para o resultado final do serviço. Não existe uma etapa menos ou mais importante, pois elas são inerentes uma à outra.

Confira a descrição de cada uma delas:

Estratégia de serviço:

Aqui é o momento de definir quais serão os objetivos da área de TI, que contribuirão para que o negócio atinja as suas metas. Nessa etapa são tomadas todas as definições estratégicas para isso;

Projeto de serviço:

É durante o projeto de serviço que serão desenhadas as ideias para o novo serviço ou modificações de um serviço já existente. Basicamente é o momento de colocar no papel tudo o que foi planejado durante a estratégia de serviço;

Transição de serviço:

Agora é chegado o momento de começar a produzir. Nessa etapa os serviços são enviados para o ambiente de produção. A equipe de TI trabalhará então no desenvolvimento, testes e na liberação do serviço. Tudo isso, é claro, de forma controlada;

Operação de serviço:

Com o serviço testado e liberado pela equipe de TI é hora de colocá-lo no ar. Nessa etapa são executadas as atividades para disponibilizar o serviço para os clientes, conforme os objetivos estabelecidos pela empresa;

Melhoria contínua de serviço:

Com o serviço em operação, é preciso estabelecer uma rotina para avaliá-lo continuamente. Assim será possível identificar melhorias e promover atualizações.

Quais as vantagens de usar a ITIL

É claro que o setor de tecnologia será o primeiro a sentir o impacto de trabalhar alinhado com as melhores práticas de TI do mercado. Principalmente, no que tange a gestão de suas atividades.

As vantagens de usar a ITIL são:

  • Visão holística dos processos de TI;
  • Economia de custos para empresa, com processos mais dinâmicos;
  • Padronização dos serviços de TI para a empresa;
  • Minimização de erros nos projetos de TI;
  • Controle rigoroso de cada etapa dos serviços de TI;
  • Aumento do rendimento da área de TI da empresa;
  • Diminuição de prazos nas entregas de TI;
  • Ociosidade zero dos profissionais envolvidos nos processos;
  • Facilidade para identificar falhas e pontos melhoria, para que dessa forma sejam promovidas atualizações no processo;
  • Divisão mais clara de papéis dentro dos processos de TI.

Contudo, a empresa como um todo será beneficiada a médio e longo prazo. Utilizando a ITIL é possível promover a inovação em seu negócio e levar serviços de qualidade para os seus clientes.

Como Implementar a ITIL?

Para facilitar a adesão à ITIL, ela pode ser implementada em estágios. Dessa forma você pode adaptar as atividades da sua empresa a essa nova forma de gestão aos poucos.

Além disso, você pode adaptá-la de acordo com as suas necessidades. Caso algum passo não seja essencial para o seu negócio, fica ao seu critério utilizá-lo ou não.

Vale ressaltar que o ITIL não é uma ferramenta, mas sim uma metodologia. Então, não é preciso atrelá-la ao uso de programas específicos.

Banner terceirzação

Para uma PME, é possível utilizar recursos como planilhas do Excel ou até mesmo aplicações, como o Trello, para fazer sua gestão.

Caso sinta dificuldade nesse processo, peça o apoio de um profissional de TI especializado. Você pode, por exemplo, solicitar a ajuda da NetSupport. Todos os nossos serviços obedecem as melhores práticas de TI descritas na ITIL. Não deixe de nos consultar!

Compartilhe no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *