Reduza os custos de TI da sua empresa ou ganhe dinheiro fazendo chamados de TI

Blog

Tudo que você precisa saber sobre tecnologia em um só lugar.

Saiba como navegar com mais segurança na internet

Saiba-como-navegar-com-mais-segurança-na-internet

Falar sobre segurança para computadores nunca é demais. Principalmente no que se refere à segurança na internet. A web é o ambiente em que o usuário costuma estar mais exposto aos hackers. As técnicas para conseguir, de alguma forma, invadir os computadores e ter acesso a informações pessoais ficam cada vez mais sofisticadas. Dados bancários, por exemplo, são um alvo atrativo para os hackers. 

É importante reforçar e investir nos recursos de segurança? Com certeza! Porém, todos nós, como usuários também temos um papel crucial no combate aos ataques de vírus e hackers. Estamos bem na linha entre o computador e internet. Sendo assim, é nosso papel utilizar esse recurso de forma consciente e segura, concorda?

Um estudo realizado pela Flipside – organização especialista no serviço de conscientização sobre segurança da informação – concluiu que 27% dos casos de violação de segurança nas empresas foram causados por falha humana. A pesquisa se baseou nas respostas de 178 profissionais, de diferentes setores, responsáveis por tomar decisões relacionadas à segurança digital.

Pensando nisso, reunimos uma série de instruções, para ajudá-lo na missão de proteger a rede de computadores da sua empresa. Contamos com a experiência do Supporter da nossa comunidade, Leonardo Jefferson, para lhe trazer as melhores dicas. Aproveite esse conteúdo e aplique estas práticas em seu negócio.

Para navegar com segurança na internet

Sabe aquela atualização de sistema operacional, antivírus, entre outros programas, que você está sempre evitando? Pois é, ela pode fazer toda a diferença na segurança do seu computador. Um recurso específico, que necessitava receber sua atualização, pode ser a brecha que um vírus precisa para invadir a sua máquina. Por isso, fique sempre atento às atualizações lançadas para os softwares que você utiliza. Caso seja preciso, peça o suporte de um profissional qualificado. Esse é um cuidado importante de se tomar com o computador e uma proteção prévia para ter segurança na internet.

Agora, no momento em que você já estiver navegando pela internet é preciso se atentar a outros pontos. Alguns comportamentos do usuário podem ser decisivos, para garantir uma área de TI segura. Então, listamos aqui algumas atitudes que devem ser EVITADAS:

  • Clicar em links e anúncios instintivamente. Existe um padrão entre os usuários de clicar em endereços sem ler o que está escrito. Uma curiosidade, é que é comum associar cores a confiabilidade do site. Tome cuidado!
  • Acessar links desconhecidos antes de realizar uma busca sobre o endereço. Um site desconhecido pode ser a porta de entrada para um hacker. Durante o seu acesso, ele pode ler o cachê do computador e copiar dados de contas de e-mail deixadas abertas no navegador.
  • Nunca baixe um arquivo executável sem ler sua tela inicial previamente. Confira se há alguma menção referente à coleta de dados, que podem ser compartilhados com terceiros. Caso tenha, evite instalar essa aplicação. Outro artifício utilizado por esse tipo de arquivo, é presentear o usuário com outros programas. Barras de busca para o navegador são oferecidas com bastante frequência.

Aprenda mais sobre esse tema. Leia nosso artigo: Segurança em TI: Como reforçá-la com poucos custos?

Como identificar um site que não está seguro?

Não importa se você acessa o mesmo site todos os dias, tenha sempre precaução, para garantir a segurança na internet. Alguns vírus de computador podem gerar cópias de páginas acessadas por você, e redirecioná-lo para a versão falsa. A melhor forma de identificar esse tipo de golpe é observando o endereço, que costuma ter pequenas alterações.

Caso você detecte alguma suspeita, em sites onde é preciso realizar um login, realize um teste simples. Erre, propositalmente, o usuário e senha na primeira tentativa de acesso. Se o site for uma cópia, provavelmente ele entrará direto.

Fique atento se também existe muitos links e propagandas no site. Eles podem esconder algum malware. Se o site não costumava ter esse tipo de publicidade, evite acessá-lo. Páginas com a URL abreviada também devem ser verificadas, já que elas podem te direcionar a um endereço indesejado.

Existem alguns tipos de sites em que usuário estará mais vulnerável aos vírus. Páginas de conteúdo adulto, sites que prometem divulgar fotos de famosos em situações absurdas ou portais com ofertas de produtos a preços muito baixos representam um perigo para a segurança na internet. Os tipos de vírus que mais contaminam os computadores, através dos navegadores, são os Trojans e os Adwares.

Aprenda mais sobre esse tema. Leia nosso artigo: Vírus de computador: Conheça 10 tipos para ficar atento.

E se o computador for infectado por um vírus da internet?

Em uma situação como essa você perceberá uma lentidão em tarefas que antes sempre foram rápidas. A baixa no desempenho do computador é um dos primeiros sintomas. A máquina também pode começar a apresentar comandos invertidos.

Para solucionar esse problema, desconecte o PC da rede e faça uma varredura com o antivírus o quanto antes. Procure por ferramentas de remoção de vírus, como o CombofixPlumbytes para finalizar a remoção. Se o caso for mais complexo, a restauração do sistema será necessária. O mais indicado é que você busque apoio de um profissional especialista em tecnologia, em situações como essa. Assim, você evitará que a segurança de dados da sua empresa seja ainda mais comprometida.

Aprenda mais sobre esse tema. Leia nosso artigo: Computador lento? Conheça e combata os principais fatores

Ferramentas para reforçar a segurança na internet

Existe uma série de extensões e plug-ins para navegadores, que ajudam a fortalecer a segurança na internet. Se você usa o Chrome ou Firefox, por exemplo, o Supporter, Leonardo Jefferson, recomenda o Disconnect. Ele permite que você desligue todos os acessos não autorizados aos seus dados de navegação. O HTTPS Everywhere, também é uma alternativa interessante para usuários desses navegadores. Esse plug-in transforma toda navegação HTTP em HTTPS. O que significa transmitir os seus dados de forma criptografada. Outra extensão que ajuda na navegação é o Tracking Cookies, que bloqueia toda a monitoração nos sites que você visitar.

As versões pagas dos antivírus também trazem consigo recursos de segurança para navegação na web. Há uma função popular, chamada de Sandbox – em tradução livre, caixa de areia – que, quando ativada, garante mais segurança na internet. Outros oferecem um plug-in para “varrer” os sites, antes de permitir o acesso. Todos os antivírus possuem recursos diferentes para essa função. Antes de fazer a sua escolha, faça uma pesquisa, para saber qual atende melhor as necessidades do seu negócio.

Aprenda mais sobre esse tema. Leia nosso artigo: Segurança em TI: Os 5 melhores antivírus para sua empresa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.