Precisamos falar sobre Inteligência Artificial. O futuro já começou!

Precisamos falar sobre Inteligência Artificial. O futuro já começou!

Blog NetSupport 11-01-2018 inteligência artificial

O que vem a sua cabeça quando falamos em inteligência artificial?

Robôs, máquinas dominando pessoas, destruição da humanidade? Se essa é a sua visão, parece que você está vendo muitos filmes de Hollywood.

Muita calma nessa hora! A inteligência artificial já faz parte do nosso dia a dia e pode ser muito útil para otimizarmos o nosso trabalho.

Duvida? Então leia nosso artigo até o final que nós iremos te explicar o básico sobre ela e comprovar o seu potencial. Fique ligado!

Antes de tudo: O que é inteligência artificial?

A inteligência artificial é um ramo da ciência da computação que estuda o desenvolvimento e a criação de máquinas e/ou algoritmos capazes de aprender por conta própria.

Atualmente, ela é utilizada em diferentes tipos de dispositivos, para as mais variadas funções. E quando dizemos variadas, leve isso a sério.

Afinal, já existem desde máquinas agrícolas até equipamentos para diagnóstico de câncer que a utilizam com sucesso.

Inclusive, há recursos que estão ainda mais perto da nossa realidade. Como os assistentes pessoais, encontrados no seu celular. A Siri, da Apple,  é um exemplo.

Sendo assim, tire a Skynet da sua cabeça e o Exterminador do Futuro da sua cabeça. A IA foi criada para ajudar os seres humanos nas mais diversas atividades.

via GIPHY

Como funciona a inteligência artificial?

Basicamente, para fazer a inteligência artificial acontecer, é instalado um código base nas máquinas em conjunto com algum tipo de treinamento.

A partir disso, o equipamento poderá aprender e evoluir sozinho, conforme a sua interação com o ambiente em que for inserido.

Ou seja, ela será capaz de prever alguns resultados e tomar as suas próprias decisões, sem a interferência de seres humanos.

Aliás, nessa entrevista que realizamos com o Rodrigo China, especialista em inteligência artificial da Pluginbot, ele explica todos os detalhes desse recurso. Vale a pena conferir!

A linha do tempo da inteligência artificial

A inteligência artificial já passou por muitas mudanças desde o seu surgimento. A forma como conhecemos ela hoje é bem diferente de anos atrás.

De acordo com a IBM, a história da IA moderna começa lá em 1950 e conta com personagens importantes por trás dela, como Alan Turing e John von Neumann.

Inclusive, Alan Turing inspirou o filme O Jogo da Imitação, que está em nossa lista de 14 filmes sobre tecnologia para os apaixonados por TI!

Ainda com base no conteúdo da IBM, a trajetória da IA moderna acontece em três ciclos distintos, sendo eles:

  • Inteligência artificial;
  • Machine learning;
  • Computação cognitiva.

Fonte da imagem: IBM

Inteligência Artificial (1950 a 1980)

Começam os estudos sobre inteligência artificial, que possam executar atividades intelectuais  desempenhadas por humanos. Porém, ainda não há uma forte evolução em seu uso.

A falta de desenvolvimento, levou ao que ficou conhecido como inteligência artificial fraca ou aplicação de técnicas de IA para limitar problemas.

Machine Learning (A partir dos anos 1980)

A partir da década de 80 os estudos para o desenvolvimento de IA se intensificam.

O objetivo é oferecer sistemas aos computadores que os tornem aptos para aprender e desenvolver modelos para a execução de atividades

Computação cognitiva (A partir do final dos anos 2000)

No final da década passada, surgem os primeiros exemplos de computação cognitiva, desenvolvida com o objetivo de conhecer e interagir com os seres humanos de forma mais natural possível.

Um grande marco dessa nova era é o lançamento do IBM Watson. Na ocasião em que foi apresentado, ele derrotou oponentes mundiais no jogo Jeopardy.

A aplicação da inteligência artificial nas empresas

Estamos vivendo no momento ideal para as empresas começarem a investir em soluções de inteligência artificial.

Grandes corporações, como Microsoft e Amazon, oferecem, até mesmo, recursos gratuitos para a aplicação dessa tecnologia.

Entretanto, elas são apenas modelos, destinados ao público de desenvolvedores e não para os usuários finais.

Ou seja, para utilizá-las será preciso contar com um profissional de programação, que desenvolva uma solução personalizada para o negócio.

Contudo, o número de serviços focados na criação de conteúdos e experiência para IA também está crescendo.

Podemos citar como exemplo os chatbots, que são plataformas de conversação que permitem a interação entre máquinas e pessoas.

O que queremos dizer: Ao invés de você ter um colaborador por trás do atendimento de seus clientes, através de um chat, é possível deixar essa função a cargo de um robô.

Para solucionar questões simples ou realizar um primeiro atendimento, a fim de entender a necessidade do cliente, essa é uma ótima solução.

O que podemos esperar da inteligência artificial?

Prepare-se! Daqui para frente a inteligência artificial vai ganhar cada vez mais espaço e dominará o mercado.

Inclusive, como já falamos por aqui no blog também, sua utilização segue firme como uma das principais tendências de TI para 2019.

Mas não tenha medo. Ela não acabará com empregos, nem irá nos controlar, muito pelo contrário. Sua intenção é tornar a nossa vida mais fácil.

Dados do Gartner, publicados pela Forbes, revelam que podemos aguardar a criação de regulamentações para IA, uma maior automação dos negócios e o crescimento do uso de assistentes artificiais.

Nesse processo, é estimado que cerca de 1,8 milhões de empregos sejam perdidos para a automação.

Mas, por outro lado, a inteligência artificial também contribuirá para a criação de 2,3 milhões de oportunidades. Principalmente nas área de educação, saúde e setor público.

Por isso, vamos precisar nos preparar para esse novo momento. Portanto, essa é uma ótima área de estudo para os próximos anos.

DICA EXTRA

No site AI Experiments do Google é possível começar a explorar a inteligência artificial através de exemplos de imagens, desenhos, linguagem e música.

Compartilhe no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *