As causas da temida tela azul do Windows

As causas da temida tela azul do Windows

Você com certeza conhece usuários do sistema operacional Windows. É comum que estes usuários já tenham passado pelo apuro de ver seu dispositivo travar, e ser testemunha da famosa Tela Azul da Morte. Aqueles que nunca passaram por tal situação provavelmente já foram assombrados pela possibilidade, e ficaram receosos por seus desktops ou notebooks.

Saiba o que é e quais são as causas da Tela Azul:

Por que a Tela Azul Aparece?

Este “evento” acontece quando o Windows passa por um falha irrecuperável, onde o dispositivo deixa de executar suas funções básicas e trava completamente. Regularmente está associado às atividades ligadas ao hardware ou ao seu driver correspondente. Apenas para deixar claro, o driver nada mais é do que um software que permite a comunicação entre o sistema operacional da máquina e um hardware específico.

Falhas desse tipo fazem com que o Windows fique instável a tal ponto que nenhuma função possa ser desempenhada. Então, para facilitar a vida do usuário – assim como a do desenvolvedor, fabricante e assistência técnica – o computador apresenta uma tela de fundo azul e texto em branco com as informações que identificam o problema.

O texto que é apresentado pode parecer um código confuso para leigos. Na verdade, este texto traz informações muito úteis para o fabricante do driver e/ou hardware identificar o problema. Desta maneira, o responsável poderá apresentar uma resposta para a situação.

Apesar de ser associado constantemente ao Windows, esse não é um problema exclusivo do sistema operacional da Microsoft. Outros sistemas possuem sua própria versão da Tela Azul, mas com outro nome. Esse é o caso da Kernel Panic, presente nos sistemas baseados em UNIX, tais como o Linux e o OS X.

A Tela Azul Apareceu, e Agora?

Após ser surpreendido pela Tela Azul, será necessário que o usuário desligue e ligue o computador por completo, em termos técnicos, faça um o reboot da máquina, para que a situação se normalize. Existem várias formas de se aplicar um reboot no computador. A mais comum em casos como esse é acionando diretamente o botão de ligar/desligar. Se ao reiniciar a Tela Azul persistir, tente desconectar os acessórios instalados recentemente por alguns segundos e repita o processo de reboot novamente. Se mesmo assim o problema continuar, consulte a uma assistência técnica de confiança.

A História por Trás da Tela Azul

A origem do termo Tela Azul veio da sigla BSOD, que significa Blue Screen of Death – em tradução livre do inglês, Tela Azul da Morte.

tela-azul-da-morte-windows

Versão original da Tela Azul da Morte, utilizada até o Windows 7.

O primeiro registro desse erro vem do Windows NT (1993). O problema se perpetuou em todas as versões posteriores, até o Windows 8, quando a Microsoft decidiu simplificar a Tela Azul por uma mensagem de erro acompanhada um emoji.

tela-azul-da-morte-windows-8

Versão atualizada da Tela Azul da Morte para o Windows 8.

Com a evolução da plataforma Windows, os diversos fabricantes de peças para computadores têm testado intensamente seus hardwares. A finalidade é melhorar a estabilidade dos componentes e diminuir assim a ocorrência desse travamento. Em geral, os hardwares costumam ser a principal causa da Tela Azul.

Entretanto, na era Windows 10, esse tipo de falha tornou-se ainda menos frequente, e, quando ocorre, gera apenas uma mensagem de erro, sem a interrupção do processamento normal. Esse é um grande alívio para os usuários, que perdiam o trabalho que estava aberto na máquina com as versões anteriores do sistema operacional.

Apesar dos problemas relacionados aos hardwares liderarem o ranking de causas da Tela Azul, os softwares também podem ser responsáveis por esse tipo de comportamento.

Continue conectado em nosso blog, teremos conteúdos novos toda semana. Você também pode enviar suas dúvidas e sugestões de tema para o e-mail flavia@netsupport.com.br

ns_cta_ebooks_tiparaempresas