11 erros de TI que as pequenas empresas cometem e nem percebem

11 erros de TI que as pequenas empresas cometem e nem percebem

Blog NetSupport 28-09-2018 erros de TI

Todos os dias as empresas cometem erros de TI que acabam passando batidos. O problema é que esses pequenos deslizes podem comprometer todo o negócio.

É comum que essas situações aconteçam não de forma intencional, mas sim por pura falta de conhecimento e habilidade com a tecnologia.

Pensando nisso, elencamos alguns erros de TI comuns que costumamos ver com frequência em nossos clientes. Você, com certeza, já deve ter passado por alguma dessas situações.

Portanto, leia o conteúdo até o final, para não deixar que nenhuma dessas falhas aconteçam no seu negócio.

Quais são os erros de TI mais comuns nas empresas

Vamos lá! Nessa lista falaremos sobre os seguintes erros de TI que, muito provavelmente, devem estar afetando a sua empresa. São eles:

  1. Posicionar os roteadores da maneira errada;
  2. Não instruir os seus colaboradores sobre o uso da tecnologia;
  3. Ignorar as atualizações;
  4. Não dar o devido valor às senhas;
  5. Resolver chamados apenas de maneira presencial;
  6. Ignorar as ações de prevenção da área de TI;
  7. Confundir vírus com malware;
  8. Achar que o backup diário é perda de tempo;
  9. Não contratar especialistas de TI para cuidar da TI;
  10. Não dar uma chance para os serviços em nuvem;
  11. Formatar o computador com frequência.

A nossa ideia é que você entenda o impacto desses problemas e também tome as atitudes adequadas para solucioná-los. Então, continue a leitura!

#1 Posicionar os roteadores da maneira errada

Ninguém merece trabalhar com uma rede Wi-Fi lenta, não é verdade?

Acredite se quiser, muitas vezes o remanejamento do seu roteador pode melhorar (e muito!) a sua conexão com a internet.

Isso porque o posicionamento dos aparelhos impacta diretamente na qualidade da sua rede Wi-Fi. Então, para não limitar o sinal do dispositivo, evite ambientes que:

  • Sejam muito fechados;
  • Tenham paredes espessas;
  • Tenham espelhos;
  • Tenham ângulos agudos;
  • Sejam de estrutura metálica.

O mais indicado é que o seu roteador fique em um ambiente amplo e, de preferência, a uma altura 1,80m do chão. Essa ação ajudará a tornar o sinal mais abrangente.

#2 Não instruir os seus colaboradores

Não duvidamos que a sua empresa até tenha uma ótima estrutura de segurança da informação.

Porém, ela não adiantará de nada se os seus colaboradores não forem treinados para não caírem em armadilhas, evitando possíveis ameaças.

É fato que as falhas humanas ainda são um dos principais motivos para as invasões de hackers e vazamentos de dados nas empresas.

Sendo assim, é importante que os seus colaboradores passem por um treinamento sobre como usar os dispositivos de forma segura.

Não fazer esse processo de conscientização da sua equipe é um dos erros de TI mais graves que o seu negócio pode cometer.

#3 Ignorar as atualizações

Quem é que nunca adiou, adiou e adiou aquela mensagem para atualizar o sistema operacional ou qualquer outro programa?

Garanto que em algum momento você se viu nessa situação. Estou certo?

Pois saiba que quando ignoramos as atualizações, nós ignoramos todas as melhorias que o fabricante está disponibilizando.

Inclusive, melhorias que podem fortalecer a segurança do software, protegendo-o contra os ataques de malwares.

Então, da próxima vez que algum dos programas informar que está pronto para ser atualizado, não deixe para depois.

Os minutos que você perder durante esse momento com certeza valerão a pena mais tarde. Pense nisso!

#4 Não dar o devido valor às senhas

Olha, se você é do tipo de pessoa que usa o dia do seu aniversário ou o nome do seu cachorro como senha, pode ir parando por aí.

Esse está entre os erros de TI que podem causar sérios problemas na sua empresa.

As senhas são um primeiro nível de segurança importante, para combater invasões aos seus programas, e-mails e arquivos.

Por isso, tome a precaução de criar senhas fortes em cada um dos seus logins. Afinal, todo o cuidado é pouco!

Aliás, nem é preciso se preocupar em gravar todas as suas senhas. Utilize um gerenciador, como o 1password, e ele fará esse trabalho por você.

#5 Resolver chamados apenas de maneira presencial

Sabia que, na maioria das vezes, quando um técnico é solicitado para um atendimento presencial, o problema poderia ter sido solucionado de forma remota?

É incrível como os usuários ainda têm resistência para resolver seus chamados a distância. Por isso, não podíamos deixar de citar essa questão nessa lista de erros de TI.

A necessidade da presença de um técnico é quase sempre superestimada. Já é possível acessar o seu computador de qualquer lugar e tratar o problema como se o profissional estivesse ali.

Troca de senhas, restauração de computador, verificação de vírus, configuração e instalação de softwares são apenas alguns exemplos de chamados que podem ser solucionados com o suporte de TI remoto.

Então, da próxima vez em que precisar chamar um técnico de TI, pense duas vezes. É bem possível que o especialista não precise ir até você.

Além do mais, as soluções remotas são mais econômicas e ágeis do que as presenciais. O caixa da sua empresa também agradece quando você faz essa escolha.

#6 Ignorar as ações de prevenção da área de TI

Quando é chegada a hora de fazer a manutenção preventiva nos computadores, as pessoas costumam ter a mesma reação que elas possuem com as atualizações.

“É melhor deixar para depois, agora estou muito ocupado”. Mais um dos erros de TI que colocam empresas em risco.

Periodicamente, é importante que o seu suporte de TI faça um check-up nos computadores do seu escritório. De preferência, a cada seis meses.

É o momento de verificar se há vírus, fazer uma limpeza nos arquivos temporários, atualizar drivers, entre outras ações que protegem você e toda empresa.

Então, não adie a manutenção. Programa-se para que ela aconteça no prazo determinado pela sua área ou parceiro de TI.

#7 Achar que apenas os vírus podem vazar dados da empresa

É comum que os usuário pensem os vírus são a única forma de ataque aos computadores. Mas, não é bem assim.

Os vírus são apenas um entre os vários tipos de malwares que existem.

Os malwares são o que chamamos de softwares maliciosos e englobam todas as ameaças que podem prejudicar as máquinas e a rede da sua empresa.

Existem outros malwares tão perigosas quanto os vírus, ou até mais que eles, em alguns casos. Os ransomwares são um bom exemplo disso.

Esses programas sequestram as informações dos usuários e apenas as liberam mediante ao pagamento de um resgate. Os valores costumam ser altíssimos.

Além disso, em boa parte dos casos, o vazamento de dados não acontece por causa de malwares, mas sim através de pessoas que visualizam as informações.

Essa prática é conhecida como visual hacking e, por mais incrível que pareça, é comum dentro das empresas.

Portanto, para se proteger, fortaleça a estrutura de segurança da informação do seu negócio, levando todas essas variáveis em consideração.

#8 Achar que o backup diário é perda de tempo

Vamos lá, você sabe quando foi feito o último backup de dados da sua empresa?

Se a sua resposta é não, já podemos adicionar mais um item a nossa lista de erros de TI. Subestimar o backup é a maior falha que um negócio pode cometer.

Afinal, todos os dias você produz algo novo para a sua empresa. Sendo assim, ter uma cópia diária do que você produziu, em um dia, não é besteira e nem pode ser deixado para depois.

E se o seu computador pifar hoje? E se um hacker sequestrar a sua máquina? E se o seu HD parar de funcionar?

Há uma série de situações que podem colocar os seus dados em risco. Por isso, é importantíssimo estabelecer uma rotina de backup diária no seu escritório.

Desta maneira, você pode ter certeza que, se qualquer coisa acontecer, as suas informações estarão a salvo.

#9 Não contratar especialistas de TI para suporte de TI

Essa situação é mais comum do que parece entre as pequenas empresas.

Infelizmente, quando um computador apresenta algum problema, ainda há quem acredite que qualquer pessoa possa consertá-lo.

Mal sabem elas que uma pessoa despreparada não só não será capaz de consertar o dispositivo, como ainda pode agravar a situação.

Portanto, não cometa mais um desses erros de TI que podem ser facilmente evitados.

Quando um computador precisar de manutenção, não pense duas vezes e ligue direto para o seu suporte de TI.

#10 Não dar uma chance para os serviços em nuvem

A sua empresa ainda é do tipo que utiliza sistema instalados direto no computador? Ou ainda que configura caixas de e-mail através do outlook?

Não queria ser o portador de más notícias, mas sinto-lhe informar: Seu negócio está ultrapassado no quesito tecnologia.

Todas essas ferramentas já estão disponíveis em nuvem, para serem acessadas de qualquer dispositivo e direto pelo seu navegador.

Os serviços em nuvem são uma opção mais eficiente, econômica e flexível, principalmente, para pequenas empresas como a sua.

É possível, até mesmo, contratar servidores em nuvem e dizer adeus a toda aquela estrutura que toma espaço dentro do escritório.

Não se atualizar também está entre os erros de TI mais graves para uma empresa que deseja crescer. Dê uma chance para o novo, você não vai se arrepender!

#11 Formatar o computador com frequência

Por fim, não podemos deixar de mencionar a popular formatação de computador.

Afinal, basta o computador ficar um pouquinho mais lento que os usuários já saem desesperados querendo formatá-lo.

Então, por essa ser uma atitude quase sempre precipitada, decidimos colocá-la também na lista de erros de TI.

Quando a sua máquina está mais devagar que o normal não quer dizer que ela precisa ser formatada imediatamente.

Em muitos casos, uma boa limpeza no computador pode resolver o problema facilmente. Durante esse processo são realizadas ações como:

  • Limpeza física na máquina;
  • Exclusão de arquivos temporários;
  • Desativação de programas que são iniciados, de forma desnecessária, quando o computador é ligado;
  • Limpeza de cookies e cache do navegador;
  • Escaneamento da máquina com o antivírus;
  • Limpeza de lixeira.

Aliás, o recomendado mesmo é que você sempre acione um técnico de TI para que ele cuide de todo esse processo.

Isso porque apenas um especialista será capaz de diagnosticar, com certeza, o que deve ser feito na sua máquina.

Compartilhe no:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *